• 967 224 138
  • Contactos
quadro economico

Quadro económico

LT003345
1985
François Quesnay

Disponib. - Em stock

€10
Mais detalhes
  • Ano
  • 1985
  • Idioma Original
  • Francês
  • Tradutor
  • Teodora Cardoso
  • Edição
  • 3
  • Código
  • LT003345
  • Detalhes físicos
  • Nº Páginas
  • 403

Descrição

Tradução e notas de Teodora Cardoso. Prefácio de Bento Murteira. O Tableau économique (em português, 'quadro económico') é um modelo económico descrito por François Quesnay, em 1759, que estabeleceu as bases da teoria económica dos fisiocratas. Quesnay acreditava que o comércio e a indústria não eram fontes de riqueza, e em vez disso em seu livro Tableau économique argumentou que os excedentes agrícolas, fluindo através da economia sob a forma de aluguer, salários e compras, formam o real motor económico. Em primeiro lugar, disse Quesnay, o regulamento impede o fluxo de renda em todas as classes sociais e, portanto, o desenvolvimento económico. Em segundo lugar, os impostos sobre as classes produtivas, tais como agricultores, devem ser reduzidos em favor de aumentos para as classes improdutivas, tais como proprietários de terras, que com sua forma de vida luxuosa, distorciam o fluxo de renda.

Quadro económico

quadro economico €10

LT003345
1985
François Quesnay
Disponib. - Em stock

Mais detalhes
  • Ano
  • 1985
  • Idioma Original
  • Francês
  • Tradutor
  • Teodora Cardoso
  • Edição
  • 3
  • Código
  • LT003345
  • Detalhes físicos

  • Nº Páginas
  • 403
Descrição
Tradução e notas de Teodora Cardoso. Prefácio de Bento Murteira. O Tableau économique (em português, 'quadro económico') é um modelo económico descrito por François Quesnay, em 1759, que estabeleceu as bases da teoria económica dos fisiocratas. Quesnay acreditava que o comércio e a indústria não eram fontes de riqueza, e em vez disso em seu livro Tableau économique argumentou que os excedentes agrícolas, fluindo através da economia sob a forma de aluguer, salários e compras, formam o real motor económico. Em primeiro lugar, disse Quesnay, o regulamento impede o fluxo de renda em todas as classes sociais e, portanto, o desenvolvimento económico. Em segundo lugar, os impostos sobre as classes produtivas, tais como agricultores, devem ser reduzidos em favor de aumentos para as classes improdutivas, tais como proprietários de terras, que com sua forma de vida luxuosa, distorciam o fluxo de renda.