• 967 224 138
  • Contactos
Espingardas e música clássica xxx

Espingardas e música clássica xxx

Alexandre Pinheiro Torres
Disponib. - Por encomenda

€9
Mais detalhes
  • Ano
  • 1987
  • Colecção
  • O Campo da Palavra
  • Capa
  • Henrique Cayatte
  • Edição
  • 1
  • Código
  • LT002306
  • Detalhes físicos
  • Nº Páginas
  • 249

Descrição

Nasceu em Amarante em 1923. Licenciado em Letras pela Universidade de Coimbra, foi Professor do Ensino Secundário em Portugal; em 1965 foi convidado como docente pela Universidade de Cardiff, da qual viria a tornar-se catedrático de Literatura Portuguesa e Brasileira. Em 1970 fundou a primeira cadeira de Literatura Portuguesa em universidades inglesas. Estreou-se em 1950 com o livro de poemas Novo Génesis. Romancista, poeta, cronista, historiador da literatura e crítico literário tem uma vasta produção espalhada por jornais e revistas, nomeadamente Vértice, Seara Nova, Colóquio/Letras. Foram-lhe atribuídos os seguintes prémios da Associação Portuguesa de Escritores: Prémio de Ensaio Jorge de Sena (1979), Prémio de Ensaio Ruy Belo (1983) e Prémio da Poesia (1983), pelo volume de poemas A Flor Evaporada.

Espingardas e música clássica xxx

Espingardas e música clássica xxx €9

Alexandre Pinheiro Torres
Disponib. - Por encomenda

Mais detalhes
  • Ano
  • 1987
  • Colecção
  • O Campo da Palavra
  • Capa
  • Henrique Cayatte
  • Edição
  • 1
  • Código
  • LT002306
  • Detalhes físicos

  • Nº Páginas
  • 249
Descrição

Nasceu em Amarante em 1923. Licenciado em Letras pela Universidade de Coimbra, foi Professor do Ensino Secundário em Portugal; em 1965 foi convidado como docente pela Universidade de Cardiff, da qual viria a tornar-se catedrático de Literatura Portuguesa e Brasileira. Em 1970 fundou a primeira cadeira de Literatura Portuguesa em universidades inglesas. Estreou-se em 1950 com o livro de poemas Novo Génesis. Romancista, poeta, cronista, historiador da literatura e crítico literário tem uma vasta produção espalhada por jornais e revistas, nomeadamente Vértice, Seara Nova, Colóquio/Letras. Foram-lhe atribuídos os seguintes prémios da Associação Portuguesa de Escritores: Prémio de Ensaio Jorge de Sena (1979), Prémio de Ensaio Ruy Belo (1983) e Prémio da Poesia (1983), pelo volume de poemas A Flor Evaporada.