• 967 224 138
  • Contactos
Para além do amor

Para além do amor

Maria Lamas
Disponib. - Por encomenda

€12
Mais detalhes
  • Ano
  • 2003
  • Código
  • LT002518
  • Detalhes físicos
  • Nº Páginas
  • 160

Descrição

Prefácio de Eugénia Vasques. Maria Lamas, paladina dos direitos humanos e dos direitos da mulher, jornalista e escritora de elevado mérito, é um dos nomes mais prestigiados das letras portuguesas do século XX. É na década de 30, em plena misoginia salazarista, onde se desconfia de toda a produção literária feminina que fuja aos cânones do ideário do regime, que Maria Lamas escreve o seu belo romance Para além do amor. Trata da trajectória de uma mulher casada e mãe que coloca em questão os valores em que assentava a sua confortável vida burguesa, encontra um homem por quem se apaixona e lhe abre horizontes de vida e a tudo renuncia - e renuncia com sofrimento - para ser ela própria, para seguir o seu próprio caminho. Tema escandaloso e escaldante completamente ao arrepio dos parâmetros da doutrina oficial de secundarização da mulher, reduzida à condição de "esposa e mãe".

Para além do amor

Para além do amor €12

Maria Lamas
Disponib. - Por encomenda

Mais detalhes
  • Ano
  • 2003
  • Código
  • LT002518
  • Detalhes físicos

  • Nº Páginas
  • 160
Descrição

Prefácio de Eugénia Vasques. Maria Lamas, paladina dos direitos humanos e dos direitos da mulher, jornalista e escritora de elevado mérito, é um dos nomes mais prestigiados das letras portuguesas do século XX. É na década de 30, em plena misoginia salazarista, onde se desconfia de toda a produção literária feminina que fuja aos cânones do ideário do regime, que Maria Lamas escreve o seu belo romance Para além do amor. Trata da trajectória de uma mulher casada e mãe que coloca em questão os valores em que assentava a sua confortável vida burguesa, encontra um homem por quem se apaixona e lhe abre horizontes de vida e a tudo renuncia - e renuncia com sofrimento - para ser ela própria, para seguir o seu próprio caminho. Tema escandaloso e escaldante completamente ao arrepio dos parâmetros da doutrina oficial de secundarização da mulher, reduzida à condição de "esposa e mãe".