• 967 224 138
  • Contactos

Segundo livro de crónicas (1ª ed.)

António Lobo Antunes
Dom Quixote
Português PT

Estado : Usado 5/5
Encadernação : Brochado
Disponib. - Em stock

€11
Mais detalhes
  • Ano
  • 2002
  • Colecção
  • Obras Completas de António Lobo Antunes
  • Edição
  • 1
  • Código
  • LT006171
  • ISBN
  • 9789722023382
  • Detalhes físicos
  • Dimensões
  • 13,00 x 21,00
  • Nº Páginas
  • 315

Descrição

Primeira Edição.

O segundo livro de crónicas, publicado em 2002, é uma compilação de textos publicados na revista Visão em que fica bem patente a singularidade que Lobo Antunes imprime às suas crónicas. Textos curtos, escritos no imediato sobre temas do seu imaginário e obsessões pessoais que encontramos também nos seus romances. As crónicas, sendo muito mais acessíveis ao grande público do que os romances, não descuram uma forte componente literária. E com uma narrativa que nos surpreende sempre pela genialidade como junta as palavras para formar cada frase, António Lobo Antunes leva-nos da tristeza à alegria e arranca-nos sorrisos pela forma como se ri de si próprio e das pequenas fraquezas de cada um de nós e que apanha e retrata como ninguém.

Segundo livro de crónicas (1ª ed.)

€11

António Lobo Antunes
Dom Quixote
Português PT
Estado : Usado 5/5
Encadernação : Brochado
Disponib. - Em stock

Mais detalhes
  • Ano
  • 2002
  • Colecção
  • Obras Completas de António Lobo Antunes
  • Edição
  • 1
  • Código
  • LT006171
  • ISBN
  • 9789722023382
  • Detalhes físicos

  • Dimensões
  • 13,00 x 21,00
  • Nº Páginas
  • 315
Descrição

Primeira Edição.

O segundo livro de crónicas, publicado em 2002, é uma compilação de textos publicados na revista Visão em que fica bem patente a singularidade que Lobo Antunes imprime às suas crónicas. Textos curtos, escritos no imediato sobre temas do seu imaginário e obsessões pessoais que encontramos também nos seus romances. As crónicas, sendo muito mais acessíveis ao grande público do que os romances, não descuram uma forte componente literária. E com uma narrativa que nos surpreende sempre pela genialidade como junta as palavras para formar cada frase, António Lobo Antunes leva-nos da tristeza à alegria e arranca-nos sorrisos pela forma como se ri de si próprio e das pequenas fraquezas de cada um de nós e que apanha e retrata como ninguém.