• 967 224 138
  • Contactos

Carlota Joaquina – A rainha que amou demais

LT007179

Alexandre Honrado

Editora Guerra & Paz
Idioma Português PT
Estado : Usado 5/5
Encadernação : Brochado
Disponib. - Em stock

€10
Mais detalhes
  • Código
  • LT007179

Descrição

É a biografia de uma das mais controversas rainhas de Portugal, Carlota Joaquina, que a invasão francesa obrigou a fugir para o Brasil, terra a que ela chamou "o quinto dos infernos", tanto era o calor e o mau cheiro. Pelo seu comportamento muitas vezes escandaloso, pela sua intervenção política. A biografia de Carlota Joaquina é assinada por Alexandre Honrado, um escritor com vasta obra publicada (do romance ao ensaio), e biografia tem uma vertente inesperada, revelando, sem nunca perder o sentido histórico, o caso absurdo de um biógrafo que se vai apaixonando pela sua biografada. Um amor impossível. Uma paixão entre o autor e a rainha que amou de mais... Carlota Joaquina era espanhola. Mas acabou por ser a «portuguesa» que mais antecipou a moralidade sem preconceitos, a mesma moral que hoje é nosso apanágio, e a gestão livre das mentalidades, abanando uma e outras até aos alicerces com um comportamento livre e fascinante. Mãe de D. Miguel e de D. Pedro, viveu um dos períodos mais ricos e conturbados da nossa história, desde a invasão napoleónica, a fuga da família real para o Brasil, até à luta fratricida entre dois irmãos que incarnavam também duas concepções opostas da monarquia portuguesa.

Carlota Joaquina – A rainha que amou demais

€10

LT007179

Alexandre Honrado
Editora Guerra & Paz
Idioma Português PT
Estado : Usado 5/5
Encadernação : Brochado
Disponib. - Em stock

Mais detalhes
  • Código
  • LT007179
Descrição

É a biografia de uma das mais controversas rainhas de Portugal, Carlota Joaquina, que a invasão francesa obrigou a fugir para o Brasil, terra a que ela chamou "o quinto dos infernos", tanto era o calor e o mau cheiro. Pelo seu comportamento muitas vezes escandaloso, pela sua intervenção política. A biografia de Carlota Joaquina é assinada por Alexandre Honrado, um escritor com vasta obra publicada (do romance ao ensaio), e biografia tem uma vertente inesperada, revelando, sem nunca perder o sentido histórico, o caso absurdo de um biógrafo que se vai apaixonando pela sua biografada. Um amor impossível. Uma paixão entre o autor e a rainha que amou de mais... Carlota Joaquina era espanhola. Mas acabou por ser a «portuguesa» que mais antecipou a moralidade sem preconceitos, a mesma moral que hoje é nosso apanágio, e a gestão livre das mentalidades, abanando uma e outras até aos alicerces com um comportamento livre e fascinante. Mãe de D. Miguel e de D. Pedro, viveu um dos períodos mais ricos e conturbados da nossa história, desde a invasão napoleónica, a fuga da família real para o Brasil, até à luta fratricida entre dois irmãos que incarnavam também duas concepções opostas da monarquia portuguesa.