• 967 224 138
  • Contactos

Espólio em Vida

Robert Musil
Narrativa
Português PT

Estado : Novo
Encadernação : Brochado
Disponib. - Em stock

€14
Mais detalhes
  • Ano
  • 2020
  • Código
  • LT006511
  • Detalhes físicos
  • Dimensões
  • 13,00 x 20,00 x
  • Nº Páginas
  • 240

Descrição

O título paradoxal desta obra do escritor austríaco Robert Musil aponta, com ironia, para as circunstâncias da génese: em 1936, entregue por inteiro à tarefa impossível de completar a sua obra maior, o romance O Homem sem Qualidades, Musil decide fazer sair dos prelos uma colectânea de textos vários, já anteriormente publicados e agora mais ou menos substancialmente revistos, e nos quais reconhece terem resistido à usura do tempo. Trata-se de pequenos contos, ensaios, observações fragmentárias, que, no conjunto, evidenciam uma grande unidade, ao serem percorridos por um fio de ironia satírica e estruturados com soberana mestria como experimentações literárias que desestabilizam os modos de percepção correntes e obrigam o leitor a questionar o seu modo de ver o mundo.

Espólio em Vida

€14

Robert Musil
Narrativa
Português PT
Estado : Novo
Encadernação : Brochado
Disponib. - Em stock

Mais detalhes
  • Ano
  • 2020
  • Código
  • LT006511
  • Detalhes físicos

  • Dimensões
  • 13,00 x 20,00 x
  • Nº Páginas
  • 240
Descrição

O título paradoxal desta obra do escritor austríaco Robert Musil aponta, com ironia, para as circunstâncias da génese: em 1936, entregue por inteiro à tarefa impossível de completar a sua obra maior, o romance O Homem sem Qualidades, Musil decide fazer sair dos prelos uma colectânea de textos vários, já anteriormente publicados e agora mais ou menos substancialmente revistos, e nos quais reconhece terem resistido à usura do tempo. Trata-se de pequenos contos, ensaios, observações fragmentárias, que, no conjunto, evidenciam uma grande unidade, ao serem percorridos por um fio de ironia satírica e estruturados com soberana mestria como experimentações literárias que desestabilizam os modos de percepção correntes e obrigam o leitor a questionar o seu modo de ver o mundo.