• 967 224 138
  • Contactos

11 de Março: autópsia de um golpe

Fernanda Leitão
Jorge Feio
Carlos Pina

Editora Agência Portuguesa de Revistas
Idioma Português PT
Estado : Usado 5/5
Encadernação : Brochado
Disponib. - Em stock

€7
Mais detalhes
  • Ano
  • 1975
  • Código
  • LT002968
  • Detalhes físicos
  • Dimensões
  • 15,00 x 21,00 x
  • Nº Páginas
  • 254

Descrição

Ilustrado em extra-texto com fotografias e caricaturas políticas. Não se é jornalista seis horas por dia, a tantos contos por mês. É-se jornalista 24 horas por dia, mesmo estando desempregado. Não se é Português só quando toca o Hino. É-se português minuto a minuto. Ama-se Portugal mesmo quando a História impõe a separação de territórios. Tudo o resto é retórica. Despojados e simples vimos dar ao leitor um livro de consulta, feito a partir do que a Imprensa publicou na hora negra do 11 de Março de 1975. Somos independentes, não temos aprtido. Até 25 de Abril de 1975 batemo-nos pela Liberdade pela Paz, pela Independência Nacional. Hoje 16 de Março de 1975 batemo-nos pelo mesmo.

11 de Março: autópsia de um golpe

€7

Fernanda Leitão
Jorge Feio
Carlos Pina
Editora Agência Portuguesa de Revistas
Idioma Português PT
Estado : Usado 5/5
Encadernação : Brochado
Disponib. - Em stock

Mais detalhes
  • Ano
  • 1975
  • Código
  • LT002968
  • Detalhes físicos

  • Dimensões
  • 15,00 x 21,00 x
  • Nº Páginas
  • 254
Descrição

Ilustrado em extra-texto com fotografias e caricaturas políticas. Não se é jornalista seis horas por dia, a tantos contos por mês. É-se jornalista 24 horas por dia, mesmo estando desempregado. Não se é Português só quando toca o Hino. É-se português minuto a minuto. Ama-se Portugal mesmo quando a História impõe a separação de territórios. Tudo o resto é retórica. Despojados e simples vimos dar ao leitor um livro de consulta, feito a partir do que a Imprensa publicou na hora negra do 11 de Março de 1975. Somos independentes, não temos aprtido. Até 25 de Abril de 1975 batemo-nos pela Liberdade pela Paz, pela Independência Nacional. Hoje 16 de Março de 1975 batemo-nos pelo mesmo.