• 967 224 138
  • Contactos

Jonas Savimbi – No lado errado da História xx

LT003377
2012
Emídio Fernando

Editora Dom Quixote
Idioma Português PT
Estado : Usado 4/5 - Com sublinhados
Encadernação : Brochado
Disponib. - Indisponível

€8
Mais detalhes
  • Ano
  • 2012
  • Edição
  • 1
  • Código
  • LT003377
  • ISBN
  • 9789722049443
  • Detalhes físicos
  • Dimensões
  • 16,00 x 23,00 x
  • Nº Páginas
  • 364

Descrição

Biografia de Savimbi no momento em que se assinalam dez anos da sua morte. «Jonas Malheiro Savimbi, aos 32 anos, atingia a sua grande e almejada glória ao ser eleito, por unanimidade e aclamação, presidente de uma nova organização política, precisamente na mesma região onde viria a ser abatido 36 anos depois. Mais tarde, assumia que a ideia, de criar um novo movimento, nascera em Champaix, uma vila na Suíça, em conversas com Tony da Costa Fernandes e cujos estatutos começaram a ser redigidos por ambos.» Reconstitui a sua vida, as estratégias, a trajectória, os poucos sucessos e as muitas tragédias militares. É o retrato de alguém que foi herói para uns, monstro para outros, e que conduziu o seu percurso perseguindo uma ambição: ser presidente de Angola. Este livro é também um fresco da História de Angola na segunda metade do século XX, uma viagem por dentro dos principais acontecimentos que marcaram aquela nação africana. O relato de como os destinos de um homem e de um país se viram tragicamente ligados – uma narrativa informada, factual e vibrante.

Jonas Savimbi – No lado errado da História xx

€8

LT003377
2012
Emídio Fernando
Editora Dom Quixote
Idioma Português PT
Estado : Usado 4/5 - Com sublinhados
Encadernação : Brochado
Disponib. - Indisponível

Mais detalhes
  • Ano
  • 2012
  • Edição
  • 1
  • Código
  • LT003377
  • ISBN
  • 9789722049443
  • Detalhes físicos

  • Dimensões
  • 16,00 x 23,00 x
  • Nº Páginas
  • 364
Descrição

Biografia de Savimbi no momento em que se assinalam dez anos da sua morte. «Jonas Malheiro Savimbi, aos 32 anos, atingia a sua grande e almejada glória ao ser eleito, por unanimidade e aclamação, presidente de uma nova organização política, precisamente na mesma região onde viria a ser abatido 36 anos depois. Mais tarde, assumia que a ideia, de criar um novo movimento, nascera em Champaix, uma vila na Suíça, em conversas com Tony da Costa Fernandes e cujos estatutos começaram a ser redigidos por ambos.» Reconstitui a sua vida, as estratégias, a trajectória, os poucos sucessos e as muitas tragédias militares. É o retrato de alguém que foi herói para uns, monstro para outros, e que conduziu o seu percurso perseguindo uma ambição: ser presidente de Angola. Este livro é também um fresco da História de Angola na segunda metade do século XX, uma viagem por dentro dos principais acontecimentos que marcaram aquela nação africana. O relato de como os destinos de um homem e de um país se viram tragicamente ligados – uma narrativa informada, factual e vibrante.