• 967 224 138
  • Contactos

Estorvo (6ª ed.)

LT004851
1993
Chico Buarque

Editora Dom Quixote
Idioma Português PT
Estado : Como Novo
Encadernação : Brochado
Disponib. - Em stock

€6
Mais detalhes
  • Ano
  • 1993
  • Colecção
  • Letras do Brasil 4
  • Edição
  • 6
  • Código
  • LT004851
  • ISBN
  • 9789722009387
  • Detalhes físicos
  • Dimensões
  • 15,00 x 23,00 x
  • Nº Páginas
  • 136

Descrição

Estorvo é o primeiro romance de Chico Buarque. Foi escrito no Rio de Janeiro, finalizado em Paris em 1990 e publicado em 7 agosto de 1991 pela editora Companhia das Letras. Para produzir seu primeiro romance, Chico Buarque paralisou a carreira musical durante 13 meses (entre maio de 1990 e junho de 1991). Pela primeira vez utilizou um micro-computador (presenteado por sua então esposa Marieta Severo) para escreveu 141 páginas divididas em 11 capítulos. O livro quase não foi lançado devido ao editor Luiz Schwarcz perder o disquete com o texto original. Por sorte Chico havia entregado uma cópia impressa do trabalho, que serviu de base para a produção do livro. Seu lançamento foi marcado para a V Feira Internacional do Livro no RioCentro em agosto de 1991. A tiragem inicial, estabelecida em 30 mil cópias, esgotou-se dois dias após o lançamento. Ao mesmo tempo, 3 editoras estrangeiras adquiriram os direitos de lançamento do livro.

Estorvo (6ª ed.)

€6

LT004851
1993
Chico Buarque
Editora Dom Quixote
Idioma Português PT
Estado : Como Novo
Encadernação : Brochado
Disponib. - Em stock

Mais detalhes
  • Ano
  • 1993
  • Colecção
  • Letras do Brasil 4
  • Edição
  • 6
  • Código
  • LT004851
  • ISBN
  • 9789722009387
  • Detalhes físicos

  • Dimensões
  • 15,00 x 23,00 x
  • Nº Páginas
  • 136
Descrição

Estorvo é o primeiro romance de Chico Buarque. Foi escrito no Rio de Janeiro, finalizado em Paris em 1990 e publicado em 7 agosto de 1991 pela editora Companhia das Letras. Para produzir seu primeiro romance, Chico Buarque paralisou a carreira musical durante 13 meses (entre maio de 1990 e junho de 1991). Pela primeira vez utilizou um micro-computador (presenteado por sua então esposa Marieta Severo) para escreveu 141 páginas divididas em 11 capítulos. O livro quase não foi lançado devido ao editor Luiz Schwarcz perder o disquete com o texto original. Por sorte Chico havia entregado uma cópia impressa do trabalho, que serviu de base para a produção do livro. Seu lançamento foi marcado para a V Feira Internacional do Livro no RioCentro em agosto de 1991. A tiragem inicial, estabelecida em 30 mil cópias, esgotou-se dois dias após o lançamento. Ao mesmo tempo, 3 editoras estrangeiras adquiriram os direitos de lançamento do livro.